Montar SquadSolicitar Orçamento

Blog

Nossas últimas novidades
Tempo de Leitura
6
min

Desenvolvedor full stack: o que é, o que faz e como contratar

Saiba os principais skills de um bom dev full stack e por que as empresas estão buscando esse tipo de profissional.
May 11, 2022

Equipe X-Apps

Como em outros ramos do mercado, na programação também existem profissionais com perfis mais especialistas e outros generalistas.

Enquanto os primeiros se aperfeiçoam em uma etapa do desenvolvimento de software, outros buscam visualizar o processo como um todo, aprendendo técnicas e conhecimentos diversos: são os desenvolvedores full stack.

Abaixo, preparamos um guia para você conhecer melhor o que são e o que fazem esses profissionais. 

Continue a leitura para aprender sobre:

- O significado da palavra full stack

- O que é um desenvolvedor full stack

- O que faz esse tipo de profissional

- Principais hard e soft skills

- Diferença entre full stack e full cycle

- Como contratar devs full stack

Antes de tudo, o que é full stack?

Em programação, "stack" é o nome dado a um conjunto de tecnologias necessárias para a execução de um software. Fazem parte de um stack, por exemplo, linguagens de programação, ferramentas e outros atributos.

Já o termo "full stack" (em português "pilha completa") significa a compreensão e o domínio de todo o conjunto necessário para a criação de um sistema específico, como sites e aplicativos.

Esse é um conceito criado para acompanhar a evolução da programação, marcada pela complexificação dos sistemas e o surgimento de diversas tecnologias e linguagens.

Isso porque enquanto o desenvolvimento back-end e front-end se dividiram para lidar com as especificidades de cada etapa, o desenvolvimento full stack é caracterizado pela visão completa do processo de execução de um sistema.

>> Ainda não sabe as diferenças entre back-end e front-end? Clique aqui e aprenda.

E o que é um desenvolvedor full stack?

O desenvolvedor full-stack é um profissional que trabalha em todas as etapas do desenvolvimento de software, desde a estruturação interna do código até às interfaces que serão visualizadas pelo usuário.

Essa visão de todo o processo faz com ele possua mais de uma competência, ao contrário dos programadores especializados em uma fase específica. Por isso, ele precisa conhecer tanto o back-end como o front-end, além de bancos de dados, servidor, API, etc.

Mas apesar de ter um perfil mais generalista, isso não significa que o dev full stack seja especialista em todas as tecnologias existentes. Geralmente, possui mais afinidade com uma linguagem específica e um conhecimento adequado sobre os outros processos.

Programadora full stack

O que faz um desenvolvedor full stack?

Esse profissional é altamente qualificado e versátil. Não é à toa que é bastante requisitado por empresas de diversos segmentos e tamanhos.

Em equipes mais reduzidas, por exemplo, o desenvolvedor full stack consegue dar conta de mais de uma etapa do processo ou, em alguns casos, é capaz de desenvolver sozinho sistemas completos, como sites e aplicativos.

Já em equipes maiores, com a presença de programadores especializados em back e front, ele pode ser o elo que liga as áreas isoladas. Podendo também liderar os trabalhos de desenvolvimento de software. Isso tudo por causa da sua visão mais ampla dos processos.

Veja abaixo o que um desenvolvedor full stack faz na prática e o que precisa saber para ser um bom profissional.

Programação back-end

Desenvolve as linhas de código responsáveis pelo funcionamento dos sistemas. Para isso, precisa conhecer linguagens como** Java, **PHP, Python e entre outras.

Programação front-end

Também pode ser responsável pelas interfaces do projeto. Aqui, é importante compreender fundamentos básicos de experiência do usuário além das linguagens específicas dessa etapa, como HTML, CSS e Javascript.

Programação mobile

Com o crescimento das aplicações móveis, o dev full stack também passou a trabalhar na criação de apps. Para isso, é bom ter conhecimentos em frameworks específicos como React Native.

Modelagem de banco de dados

A criação da arquitetura do banco de dados é uma das fases importantes para a criação de sites e aplicativos. Dessa forma, é essencial que o profissional saiba pelo menos fundamentos básicos de banco de dados para o seu gerenciamento e consultas.

Configuração e manutenção de servidor

Apesar de ser uma atividade básica, é importante que o dev full stack também saiba noções de servidor tanto para configurar como para gerenciar possíveis problemas.

Documentação técnica

O full stack pode auxiliar ou até mesmo ser responsável pela criação das documentações técnicas do software. Essa não é uma atividade obrigatória, mas é um diferencial para o profissional.

>> Contrate um desenvolvedor em poucos minutos: conheça o Contrate Squad

Programador full stack

Soft skills do desenvolvedor full stack

Não só de hard skills se faz um bom profissional. Abaixo, listamos algumas características importantes para um perfil de desenvolvedor full stack:

- Ser detalhista: dar atenção a cada detalhe no código que está criando pode economizar tempo e dores de cabeça com bugs no futuro.

- Resolver problemas: no mundo do desenvolvimento, sempre existirá desafios. Ser capaz de resolver problemas de forma rápida pode melhorar o desempenho do profissional e do projeto que ele está envolvido.

- Ter boa comunicação: ser comunicativo com os colegas de trabalho e superiores é de extrema importância no contexto de trabalho. Saber traduzir questões técnicas também facilita na resolução dos problemas.

- Estar aberto à colaboração: mesmo que o dev full stack consiga se virar só, também podem estar em cargos de gestão e liderança. Por isso, é importante saber trabalhar em equipe. 

Quais as diferenças entre Full stack e Full cycle

No primeiro momento, essas duas palavras podem até causar confusão, mas na realidade o desenvolvedor full stack e o full cycle podem se complementar. vamos explicar o porquê.

O termo "desenvolvedor full cycle", em português desenvolvedor "de todo o ciclo", se tornou popular a partir de 2018, após a publicação de um artigo sobre o assunto no blog de engenharia da Netflix

Basicamente, o full cycle é um profissional comprometido com todo o ciclo de desenvolvimento de um software, desde a parte de negócios até o suporte. Ele é capaz de compreender e contribuir em diferentes etapas como: levantamento e análise de requisitos, definição da arquitetura, programação, design, testagem e implantação.

Esse tipo de profissional não é necessariamente generalista. Ele pode ser especializado em back-end, por exemplo, mas deve considerar e se responsabilizar por todo o processo em que está inserido.

Nesse contexto, o desenvolvedor full stack acaba se acostumando mais fácil ao estilo de trabalho full cycle justamente por estar acostumado à diversidade de tecnologias e processos.

Como contratar um desenvolvedor full stack?

Apesar da alta demanda no mercado de trabalho, é difícil encontrar profissionais qualificados e com experiência. Uma possibilidade é abrir vagas em plataformas de redes sociais voltadas ao público executivo, como o Linkedin e o Glassdoor.

Outra opção também é entrar em contato direto com escolas e cursos especializados em desenvolvimento e programação full stack.

Pensando em facilitar o processo de recrutamento de profissionais de TI, a X-Apps desenvolveu a plataforma Contrate Squads. Nela, é possível escolher e contratar os desenvolvedores em questão de minutos.

Não perca mais tempo, contrate agora mesmo um desenvolvedor full stack! Clique aqui.

Saiba Mais

    Compartilhar

Inscreva-se em nossa newsletter

Posts semelhantes

Tempo de Leitura
5
min
O que é DevOps?

Acelere a sua empresa com a X-Apps

Alocar profissionaisSolicitar Orçamento
A X-Apps é um provedor de TI parceiro e aconselhada pelo
Receba nossos e-mails
Siga nossas redes sociais
O seu time de TI. Desenvolvimento de software sob demanda e alocação de profissionais.
Vamos conversar?
comercial@x-apps.com.br11 5083-0122

Rua Rodrigo Vieira, 126

Jardim Vila Mariana. São Paulo, SP.

CEP: 04115-060

Mapa do site
Termos de serviçoTermos de privacidade
Available in English