Montar SquadSolicitar Orçamento

Blog

Nossas últimas novidades
Tempo de Leitura
5
min

Rsys Library: conheça a nova biblioteca WebRTC do Facebook

Nova biblioteca de vídeo chamada de Rsys garante uma melhor execução de chamadas de vídeo, voz e melhora a experiência em recursos de realidade aumentada
January 11, 2021

Visão geral:

* Recentemente, o Facebook desenvolveu e implementou a Rsys Library, uma nova biblioteca de vídeo que diminui o tamanho dos dados e transmite imagens com melhor qualidade;

* O projeto foi feito com base na biblioteca WebRTC, desenvolvida em 2011 e utilizada por grande parte dos navegadores e aplicativos nativos;

* A nova biblioteca é mais rápida e deve trazer novos recursos para os aplicativos do Facebook, além de uma possível implementação aos serviços web da marca.

-

Buscando melhorar a experiência dos usuários em suas redes sociais, a equipe de engenharia do Facebook desenvolveu uma nova biblioteca WebRTC para implementar em seus aplicativos (Facebook, WhatsApp e Instagram).

Chamada de Rsys Library, o novo projeto da empresa busca melhorar a qualidade de chamadas de voz e vídeo compactando ainda mais os dados, de forma que se torne um processo mais leve, principalmente para quem utiliza redes móveis ou possui um número limitado de pacote de dados.

Tendo como base a API WebRTC, foi assim que o Facebook conseguiu desenvolver o módulo de chamadas gratuitas tão consolidado em seus serviços. Entretanto, a gigante de Menlo Park ainda não havia desenvolvido uma evolução para essa tecnologia.

De acordo com o próprio Facebook, na época, o objetivo era construir uma experiência com o maior número possível de recursos para os usuários.

Foi dessa maneira que as chamadas em vídeo foram adicionadas, assim como as chamadas em grupo e efeitos mais complexos de realidade aumentada em seus apps.

Porém, com o passar do tempo e em razão do aumento significativo de usuários utilizando diariamente as plataformas, a biblioteca anterior se tornou defasada e muito mais complexa aos desenvolvedores, aumentando a incidência de bugs no projeto.

Com isso, o desenvolvimento da Rsys foi feito a partir de um completo redesenho da tradicional WebRTC que já era utilizada, simplificando grande parte dos processos da empresa.

Quer saber o que realmente muda com a implementação da Rsys Library nos apps? 

Confira nos tópicos a seguir!

Rsys library é a nova biblioteca do Facebook

Antes de tudo, do que se trata uma biblioteca WebRTC?

A biblioteca WebRTC (Web Real-Time Communications) se trata de uma API de código-aberto originalmente desenvolvida pela World Wide Web Consortium (W3C) em meados de 2011 e, posteriormente, implementada pela Google em seus serviços.

Esse projeto ganhou força e foi adotado por algumas empresas desenvolvedoras de aplicativos, pois permite que navegadores e apps executem aplicações de chamada telefônica, de vídeo e compartilhamento peer-to-peer sem a necessidade de plugins adicionais.

Além disso, a WebRTC oferece a possibilidade de captura e transmissão de áudio e vídeo por meio dos apps e navegadores que utilizam desta biblioteca, sem oferecer cobrança adicional ao usuário, como ocorria anteriormente.

Com isso, empresas que utilizam desses recursos - como o Facebook em suas redes sociais -, podem adicionar facilmente elementos de comunicação em tempo real aos seus aplicativos, como o encontrado no WhatsApp, Instagram e no Facebook Messenger, por exemplo.

O projeto WebRTC suporta transmissões de dados de vídeo e voz entre usuários e permite que os desenvolvedores criem soluções de comunicação ainda mais específicas e poderosas, visto que se trata de uma API de código-aberto.

De acordo com o site oficial da biblioteca, a tecnologia já está consolidada no mercado e disponível em todos os principais navegadores modernos.

Aliás, por trás da ferramenta, as tecnologias existentes são as mais comuns utilizadas em serviços web, como o JavaScript, por exemplo.

Além disso, para quem desenvolve aplicativos nativos para Android e iOS, o projeto também fornece a mesma funcionalidade e, atualmente, é suportado por soluções de grandes empresas presentes no Vale do Silício, como Apple, Google e Microsoft, por exemplo.

Quais as principais características da Rsys?

De acordo com o Facebook, a Rsys deve chegar aos aplicativos da empresa com um simples objetivo: ser mais leve, mais compacto e para aumentar a velocidade de carregamento.

Essas características são importantes principalmente para as equipes de desenvolvimento, já que, uma biblioteca menor é mais fácil de gerenciar, atualizar, testar e otimizar.

Esse completo redesenho na tradicional biblioteca WebRTC foi uma das únicas soluções encontradas pela empresa para deixar o sistema mais leve e, mesmo assim, manter todos os recursos que já haviam sido implementados com o passar dos anos.

Em razão da defasagem da biblioteca anterior, a mesma não era capaz de atender a diferentes dispositivos, estando limitada apenas a modelos Android e iOS.

Além disso, a WebRTC convencional consumia muita memória, deixando os dispositivos mais lentos durante o uso dos recursos.

Segundo dados de engenharia do Facebook, estima-se que a Rsys Library seja 20% mais leve do que o modelo de biblioteca utilizado anteriormente.

Apesar de ser um número até que baixo, essa leve melhora deve aumentar consideravelmente a velocidade de processamento de dados durante chamadas de vídeo, e no uso de recursos de realidade aumentada.

Além disso, se antes o Facebook se limitava a dispositivos Android e iOS, agora, a plataforma deve expandir seus negócios para usuários de MacOS, Windows e Linux, além de poder oferecer recursos para usuários de apps mais leves como o Facebook Messenger Lite.

O que deve mudar nos aplicativos do Facebook com essa nova biblioteca?

A implementação da Rsys Library - substituindo a antiga biblioteca de vídeo - permite agora que os recursos presentes nos aplicativos nativos do Facebook cheguem a novas plataformas e sistemas operacionais.

Mas, como assim?

Recentemente, o Facebook informou que incluiu em seus testes os já tradicionais recursos de chamadas de vídeo e de voz em suas plataformas Web, como o WhatsApp Web, por exemplo.

A chegada da Rsys facilita esse processo de transição, já que é mais leve e consegue suportar um número maior de sistemas durante a execução destes recursos.

Além disso, de acordo com o Facebook, a construção de uma nova API criou uma base ainda maior para a integração entre os aplicativos da marca, algo que já vem acontecendo há algum tempo, mas que ainda não pôde ser consolidado justamente pela falta de recursos.

Com a Rsys Library, pode-se esperar bons frutos da empresa no desenvolvimento de novas funcionalidades, interações entre usuários e também na implementação de recursos que envolvam a experiência do usuário, como a realidade aumentada e a realidade virtual.

Principalmente com a chegada do 5G em diversos países em 2021, esses recursos devem estar em alta nos próximos anos, visto que demandam de uma alta velocidade de conexão para que funcionem da maneira correta.

    Compartilhar

Inscreva-se em nossa newsletter

Posts semelhantes

Tempo de Leitura
1
min
O que é DevOps?

Acelere a sua empresa com a X-Apps

Alocar profissionaisSolicitar Orçamento
A X-Apps é um provedor de TI parceiro e aconselhada pelo
Receba nossos e-mails
Siga nossas redes sociais
O seu time de TI. Desenvolvimento de software sob demanda e alocação de profissionais.
Vamos conversar?
comercial@x-apps.com.br11 5083-0122

Rua Rodrigo Vieira, 126

Jardim Vila Mariana. São Paulo, SP.

CEP: 04115-060

Mapa do site
Termos de serviçoTermos de privacidade
Available in English