Como transformar sua empresa em uma organização exponencial

O mundo dos negócios busca sempre novos conceitos para otimizar operações e explorar meios de alavancar organizações. Quando a inovação surge, ela provoca muitas mudanças em diversos setores, criando ramificações empresariais que podem alterar os hábitos das pessoas – e, com isso, lucrar bastante.

Um bom exemplo dessa transformação são as mídias de armazenamento. Quantos disquetes não eram utilizados para guardar informações há vinte anos? Essa mídia foi evoluindo para CD, pen drive e, hoje, os dados são armazenados na nuvem.

Não tem como parar as mudanças tecnológicas, mas há meios de se beneficiar exponencialmente delas. Organizações que rompem com vários modelos, criando novos conceitos e transformando a forma de fazer negócios, que o digam.

Se seu objetivo é ter uma organização exponencial, fique sabendo: a melhor forma de se inserir nessa nova cultura é se adaptando a ela.

O que são as Organizações Exponenciais?

Organizações Exponenciais (ExOs) são aquelas cujo resultado é maior, comparado a de seus pares, devido ao uso de novas técnicas organizacionais. Elas se beneficiam do rápido crescimento da tecnologia, desenvolvendo soluções dez vezes melhores, mais rápidas e de menor custo que as empresas tradicionais e lineares.

A diferença das organizações exponenciais para as empresas tradicionais é que elas não investem em estruturas rígidas, com muitos colaboradores, grandes instalações físicas e hierarquias intransponíveis. As ExOs desfazem o que, antes, era de natureza física e o transfere ao mundo digital sob demanda.

As organizações que querem se manter no mercado precisam entender que se tornar ExOs é uma necessidade urgente, questão pura e simples de sobrevivência.

O que é importante para as  ExOs?

O que move as organizações exponenciais é a busca por soluções modernas de tecnologia. Na contramão das inovações estão empresas tradicionais e lineares que utilizam modelos obsoletos, com defasagem tecnológica, que as impedem de se expandir.

As ExOs são reconhecidas por desenvolverem novas soluções para lidar com problemas antigos. Quer um exemplo? Os aplicativos de táxi, que aumentaram e democratizaram o acesso a esse tipo de transporte.

Inovar não é se desfazer de toda a infraestrutura existente, mas aproveitar o que já existe, utilizando soluções simples, e que tragam resultados efetivos, para continuar a evoluir em sua área de atuação.

Veja alguns passos para transformar a sua organização em uma ExO.

1 – Propósito Transformador Massivo (PTM)

Pense em algo que precisa ser transformado e questione: “qual é o maior problema que eu gostaria de ver resolvido?” Identifique a concepção do problema e, em seguida, crie um PTM, ou Propósito Transformador Massivo.

Idealmente o PTM deve ser feito em um exercício profundo e revisado durante a concepção da ExO. Para criação do PTM é necessário responder às seguintes perguntas:

  • Por que essa organização existe?
  • Qual é seu propósito?
  • Qual é seu objetivo?
  • Todos entendem seu propósito e objetivo?

2 – Faça um modelo de negócio exponencial

De nada adianta ter uma boa visão de organizações exponenciais se você ainda está preso a uma metodologia antiga, que demora a gerar lucro. Se esse é seu caso, não deixe de focar em uma gestão de projetos moderna e criar padrões adequados para a expansão do empreendimento.

3 – Equipe sob demanda

Empresas de rápido crescimento estão focadas na terceirização de TI, que é mais ágil e eficaz, principalmente com o surgimento da computação em nuvem e da mobilidade.

Assim, organizações modernas pararam de trabalhar com equipes robustas e, em muitos casos, pouco produtivas. Por causa disso, o conceito de equipe sob demanda (staff on demand) despontou, passando a fazer contratações conforme a necessidade do momento.

Esse conceito avançou devido a inúmeros empreendimentos trabalharem em regime home office, e por terem maior número de contratação de pessoal em épocas de pico. Para manter o negócio viável e manter os custos sob controle, a saída é a terceirização de serviços.

4 – Terceirização dos serviços de TI

Ter um departamento de TI alinhado aos objetivos da empresa, e que faça diferença para o negócio, exige dedicação, boa infraestrutura e profissionais bem qualificados e capacitados.

Manter essa estrutura como essa gera gastos que podem impactar no resultado da empresa. Nesse sentido, terceirizar a área de TI pode ser a alternativa ideal; basta conhecer as condições implícitas nessa opção e acompanhar o processo de perto.

Com a disponibilidade de serviços em cloud computing, seu negócio terá mais espaço para processamento e armazenamento de dados, facilidades de segurança em backup e maior acessibilidade às informações do negócio.

Serviços baseados na nuvem permitem que a empresa contrate apenas o que for utilizar, tendo disponíveis estruturas de data centers com computadores de ponta para gerir os seus dados. Isso acaba por agregar mais potencial ao setor de TI, contribuindo para que a terceirização garanta o retorno dos investimentos em tecnologia.

Quer saber mais sobre como transformar sua empresa em organização exponencial? Entre em contato com a X-Apps!

Fechar Menu
Close Panel